Pesquisa revela as barreiras para as mulheres empreenderem em Mato Grosso

27/08/2020 - 15h30

Para revelar os empecilhos que inviabilizam um aumento do empreendedorismo feminino no estado, a Faculdade de Tecnologia Senai Mato Grosso (Fatec Senai MT) realiza nesta quinta-feira (27/08) o evento ‘A Mulher na Gestão Empresarial: Exigindo Impulso no Brasil’. O estudo integra a parceria entre o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai MT) e a Organização Internacional do Trabalho (OIT), por meio do projeto ‘Ganha-Ganha: igualdade de gênero significa bons negócios’, desenvolvido em países da América Latina e Caribe. Totalmente gratuito, o encontro será transmitido pelo Youtube, a partir das 18h30 (horário de MT) em português e espanhol.

O Evento contará com o presidente do Conselho de Relações do Trabalho da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Alexandre Furlan, e a oficial técnica em princípios e direitos fundamentais no trabalho da OIT no Brasil, Thais Dumêt Faria. Também participará a coordenadora regional do programa Ganha-Ganha para a América Latina e Caribe, Maria Victoria, e a diretora regional do Senai MT, Lélia Brun.

A pesquisa ouviu 208 mulheres residentes nas cidades de Acorizal, Barão de Melgaço, Chapada dos Guimarães, Cuiabá, Jangada, Nobres, Nossa Senhora do Livramento, Nova Brasilândia, Planalto da Serra, Poconé, Rosário Oeste, Santo Antônio do Leverger e Várzea Grande.

Fundamentada em seis pilares do programa Desenvolvimento do Empreendedorismo Feminino (Women’s Entrepreneurship Development – WED) da OIT, a pesquisa avaliou a percepção das mulheres sobre o sistema jurídico e regulatório, políticas públicas efetivas para a promoção do desenvolvimento do empreendedorismo feminino e o acesso a serviços financeiros.

No estudo, também foi analisado o acesso das mulheres a mercados, tecnologia e serviços de apoio ao desenvolvimento empresarial, além da representatividade e participação no diálogo sobre políticas. Para o diretor acadêmico da Fatec Senai MT, Rubens de Oliveira, integrar o projeto é uma forma da faculdade contribuir com o empoderamento feminino empresarial no estado.

“Sabemos da relevância em estimular o desenvolvimento do empreendedorismo feminino no estado e aumentar a representatividade delas em cargos de lideranças nas empresas. Ao mapear o cenário, é possível traçar ações que resultem na maior inserção da mulher, de forma justa e equitativa, no cenário socioeconômico de Mato Grosso”, afirma.

O projeto “Ganha – Ganha: Igualdade de gênero significa bons negócios”, conta com o financiamento da União Europeia e ONU Mulheres Brasil e procura identificar o perfil de desenvolvimento e iniciativa empresarial da mulher. Além do Brasil, o projeto está sendo realizado na Argentina, Chile, Costa Rica, Jamaica e Uruguai.

O evento é gratuito, inscreva-se aqui.

Acompanhe o Sistema Fiemt nas redes sociais:

Sistema FIEMT / SENAI - Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial
Avenida Historiador Rubens de Mendonça, 4.193 - Centro Político Administrativo - Cuiabá - MT / CEP 78049-940